quinta-feira, abril 14, 2011

O Valor Das Pequenas Coisas



“Porque quem despreza o dia das coisas pequenas?” Zc 4:10


Wilma Rejane

www.atendanarocha.blogspot.com

Só mesmo um grande coração pode perceber a beleza que se esconde nas “pequenas coisas”. Digo “esconde” porque é necessário bem mais que um simples olhar para desvendar as riquezas, os mistérios da felicidade. É Aquela gotinha de água que desce do céu molhando a terra que se unindo a tantas outras formam a chuva, é a brisa que sopra suave em nossa direção, enquanto lemos, sentados na cadeira de balanço, um pequenino exemplar do Novo Testamento descrevendo a simplicidade de João batista: comendo gafanhoto com mel, junto ao Rio Jordão, vestido com peles de camelo. Um dia, simples dia, sem “grandes” surpresas.

Grandes homens, não menosprezam “pequenas coisas”. Fico maravilhada em como Deus escolheu “pequenas” coisas para através delas, revelar Seu amor e poder:

Moisés, era filho de escrava egípcia, não sabia organizar bem as palavras, talvez ninguém o escolhesse para ser orador da turma, quanto mais de uma nação: Daí Deus vem e diz: “Te escolhi para ser profeta da nação, vai lá falar com Faraó” Ex. 6:29. Achando-se incapaz ele responde: “Sou incircunciso de lábios; como, pois faraó me ouvirá?” Ex 6:30. Moisés reclamou mas obedeceu e Deus operou grandemente através do "pequeno" orador.


A história de Naamã, capitão do exército do Rei da Síria, está escrita no livro de II Reis, cap. 5. Ele era leproso, já havia de todas as formas procurado à cura, sem sucesso, até que, uma menina, uma pequenina, que servia como escrava a esposa de Naamã diz: “Antes o meu senhor estivesse diante do profeta que está em Samaria; ele o restauraria da lepra”. Quem daria crédito a uma criança escrava? Mas aquela menina era diferente porque conhecia o grande Deus de Israel. Ele a escolhera para abençoar o capitão! E ao procurar o profeta, Naamã é curado da lepra!

O profeta Isaías descreve com precisão o aspecto físico de Jesus e o ato de Sua crucificação: “Era desprezado, e o mais rejeitado entre os homens, homem de dores e experimentado nos trabalhos; como um de quem os homens escondiam o rosto, era desprezado e não fizemos dele caso algum. Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades; e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito ferido de deus e oprimido” Is 53: 3-4. E Ele era o Salvador! Parecia uma “coisa pequena”, sem valor.

Querido leitor, quero te convidar a olhar além de tudo que o aflige, a parar por alguns instantes e começar a agradecer a Deus- ainda que sua força esteja pequena- por todas as coisas de sua vida, as “pequeninas” coisas que parecem não ter valor, prossiga até que enfim sinta em seu coração o quanto Deus te ama. Ele te escolheu como alguém especial, de muito valor. Deus quer te curar, Ele quer colocar louvor em seus lábios e cumprir todas as promessas reservadas para ti. Não se deixe abater, não morra! Certa vez, eu estava orando com muitas lágrimas nos olhos quando ouvi a suave voz do Espírito Santo: Não morra, não morra, não se entregue. No mesmo instante comecei a louvar por tudo que me vinha à mente e senti grande alegria em saber que Deus jamais me desamparou.

Deus o abençoe, em Cristo Jesus, Amém.







.


Um comentário:

Carlos Carvalho disse...

A paz do Senhor Jesus,
Excelente esta postagem, e o conteúdo deste abençoado Blog !
Já estou seguindo com certeza, e já indiquei para alguns amigos e vou continuar a divulgar. Vai ser vitórias para todos!

Aproveito a oportunidade
Para lhe convidar para ser
Mais um amigo da “ROCHA”

www.afamilianarocha.blogspot.com
www.cristinaalvescantora.blogspot.com

Fique com Deus!